segunda-feira, 17 de junho de 2019

Talvez regresse...


Foto de Manuela André



Talvez o brilho encandeie...
Ou a luz nos embrulhe nos sonhos!
Talvez os sonhos sorriam,
e a claridade sombria acorde a felicidade!
Quem sabe a lua vigia os passos não dados?
Quem sabe o luar caminha de mão dada com a brisa que despenteia a ordem do saber?

Sei lá. Talvez a lua divague...

quinta-feira, 4 de abril de 2019

Enquanto houver flores

Foto by me
Haverá perfume
enquanto o olhar falar. 
O cheiro da frescura das flores, 
O som matutino dos pássaros, 
As teias translúcidas que balançam, 
Serão o melhor sinal de vida
De ti em mim! 
O jardim, 
Oh, o jardim só tem brilho
Enqanto houver flores. 


domingo, 31 de março de 2019

A primeira flor...

Foto by me

Apanhei-te!
Antes que março acabe
e as trovoadas ecoem nos céus, 
guardo a tua frágil roupagem numa mala protegida d(e)o tempo!
Guardo cada pétala, 
toda a cor,. 
a intensidade do aroma, 
o sorriso... 
... e o bailado harmonioso da primeira flor! 


quinta-feira, 21 de março de 2019

Rumores

Foto by LV

Olhar preso no fogo, Seguidor de linhas contrárias, é termo de fim anunciado,
poesia de morte lenta...
...acabada!
Segura-te firme na cor
nos tons das tuas palavras.
Um dia, quando Março tiver passado,
verás o verde florir
 e o céu escarlate irá dizer-te
quão maduras são
as linhas por ti traçadas...




segunda-feira, 31 de dezembro de 2018

Feliz 2019foto

Foto by Luísa F. 

O melhor presente que recebemos abraça-nos sem darmos conta!
Mede-se em horas e acompanha-nos lado a lado! Vivamos nesse abraço sem receio e celebremos o ano findo com orgulho num olhar posto no futuro. Que somemos o tempo em celebração com a vida! 
Feliz 2019

domingo, 23 de dezembro de 2018

Espera-se natal

Foto by Luísa
Poisado o olhar no parapeito
 e uma cotovia a cantar...
...calam-se os corações,
ouve-se  a altura do ser!
Aguarda-se o Natal

quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

Cenários

Foto by Luísa

Rubor,
Cor quente,
Curvas do céu, escarlate,
Linhas de seiva viva, mate!
Réplicas,
Tremores envergonhados,
Embrulhos  de suavidade,
Desenhos a lápis marcados!
Estrelas cadentes,
Rastos de sons...
Silêncios.


sexta-feira, 2 de novembro de 2018

Cem palavras por dizer...

Foto by Luísa 

segunda-feira, 8 de outubro de 2018

Rosa-mate

Foto by Luísa

Vestiste brilho em cor
E na cor prendeste a atenção
Talvez por rosa-mate vestires
Me deste um pouco de ilusão...

Tocaste de leve a pele
Num gesto aveludado de carinho
Prendeste-me o olhar  cego
Na ilusão de menino!

Um dia volto a tocar-te
Com as pontas dos desdos já gastos
Para sentir o peso de  te ter perdido

E, num outono atrasado
Roubarte-ei a roupagem
De pequeno inocente fugido!

Um dia...


terça-feira, 25 de setembro de 2018

Riscos por fazer...


Foto by Luísa 

Tenho q comprar um balde de tinta! 
Não uma tinta qualquer,
nem um balde pequeno. ..
...mas uma tinta que borre,
que faça traçados de ira numa parede caiada.
Uma tinta feroz
e que dela se marque a força das letras.
Talvez também traga um pincel
de cabo curto e fios alinhados.
Daqueles que deslizam suaves
Acalmando a fúria de tristes dias por pintar! 


domingo, 23 de setembro de 2018

Leituras...


Foto de Xosé Figueroa Lorenzana

Leu todas as notícias
vagueou por todas as páginas
decorou os sentidos do parágrafo sul
e remou!
Entrou em circulo
definhando em redemoinho feroz.
Ficou tonta,
cansou de marear  afogando aos bocadinhos!
Tripulou os botes carregados de fragilidade
e um dia
superou as marés, amar(ou).
Chorou todas as letras
corrigiu todos os erros e continuou...
...errando em cada maré!

sábado, 15 de setembro de 2018

Olhares. ..


Foto by Luísa

Quando os passos correm
e o voo vive...
...o olhar acelera força
e o coração vibra.

quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Despedida...


Foto by Luísa

Enche o olhar o berro das cores!
E a meiguice da bola de fogo
Embala o cansaço na terra sublime!
Até amanhã...

quarta-feira, 12 de setembro de 2018

Ir...

Foto by Luísa

Vejo-te num olhar atento,
concentrado
no voo adivinhado...
Vejo-te livre,
arrojado
no lançamento da espera...
Vejo-te num plano seguro
 ondulado de dúvidas
num tom de certezas reservadas.
Anda,
vai e voa...

sexta-feira, 7 de setembro de 2018

Leituras em espera...

Foto by Luísa

Li Mário de Sá Carneiro
Desfolhei a algazarra das melodias
E ouvi o tilintar das folhas!
"Chamem palhaços e acrobatas..."
Façam da vida a melhor das festas!
Num sopro,
o outono chega
E, verdadeiramente,
as leituras serão amadurecidas...