Mensagens

A mostrar mensagens de Maio, 2015

Epilogo

Arde, em fogo lento, apressado de queimar, em conto, narrativa, prosaico saber de arder... Arde! Pinta a tela ao escrever de carvão que,  de sede para apagar, surra a parede ao passar! Deixa o cheiro a lenha ardida marca o livro por onde passas e deixa por paginar! Epilogo de sexta... ...às 11.



Ondas...

Passou a onda... ...rebentou na praia da ilusão! Perdão, haverá nova maré, nova lua de cumplicidades, renovadas vontades de maresia! Passou a onda... ...enrolada na maré da felicidade, bebeu da luz da lua  e ceou à espera ao sol. Passou a onda... ...afogada de emoções!

Começo

Imagem

Leituras

Inicia a escrita, arranca os  vocábulos que aprisionas, liberta-te das frases que guardas, deixando-as vaguear na página que viras!
Assegura-te do vento, não deixes que ele te vire as folhas, ampara-te no sol e redige amarada  nas ondas que te trazem o mar!
Sente o céu, que de azul se escreve, nele deixando o texto do sonho...
Percebeste a história? (A)guarda a sua leitura. Talvez a redação não seja tua...

Quando...

Quando o sol desperta e a alma acorda... Quando os olhos se abrem  e a luz invade a calma... Quando o tempo dá tréguas e os  minutos te entregam no dia, assim, em passeio, rumo ao futuro! Quando a vida passa...e te enlaça!!!