terça-feira, 26 de julho de 2011

Mar que me (a)colhes...o Verão!

foto da net

Vi-me sorrir entre o sol,
num momento de calma,
a segradar ao vento o prazer de te ver, MAR!
Recebeste-me em ondas que estalam um belo cantar,
Com um simpático afago do vento...um ligeiro acenar!
Vi-me sorriso de verão! Vi-me sorriso de férias...
Vi-me elevar a vida num momento de verão!

11 comentários:

  1. GRANDE LUÍSA !

    Muito obrigado por dedicares ao MAR tão belo poema.
    E muito obrigado também por olhares o Mar como eu.

    Um beijo.

    ResponderEliminar
  2. "Vi-me elevar a vida num momento de verão! "
    lindo e tbem estou de acordo com Joao:)))nao ha coisa mais bela que o mar, os mares...
    beijos e obrigada pelo comment

    ResponderEliminar
  3. Três fieis amigos, seguidores de luxo!
    Obrigada pela tua presença, SENHOR!
    Vamos na onda da amizade, com velas içadas ao vento, levados à bolina...Serás sempre o chairman desta navegação da blogosfera!
    Saudade de ti no grifo a planar...

    ResponderEliminar
  4. Myra,
    adMYRAvel Senhora, o verão chegou em força! Por cá já se sentem os raios de sol a queimar a pele...
    Só mesmo à beira mar!!!
    Beijinho terno, companheira de viagem, dos diálogos pela imagem, das mensagens amigas vindas de Jerusalem!

    ResponderEliminar
  5. Expresso da linha,
    ...e o verão, está na linha!
    As suas imagens são inspiradoras!Obrigada pela partilha!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. És tão completa que até os termos náuticos sabes aplicar na perfeição !

    Só com ventos fortes é que eu ficava a perder. É que nessa altura, eu era muito leve e para fazer prancha, o meu peso era insuficiente para conseguir levar o Snipe direitinho...

    Um beijo, querida SENHORA.

    ResponderEliminar
  7. Tu até termos náuticos sabes aplicar na perfeição !!!
    À bolina, nesse tempo, só tinha desvantagem com ventos fortes uma vez que o meu peso era PESO PLUMA ( !) e eu tinha muita dificuldade em levar o SNIPE direitinho sem adornar e, portanto, perdia velocidade.

    Um beijo GRANDE SENHORA.

    ResponderEliminar
  8. O Mar é belo,mas forte,traiçoeiro e ladrão de vidas,de qualquer das formas goza no MAR!

    ResponderEliminar
  9. Que linda imagem e poema com sintonia perfeita... quase perfeita! ;)

    Alterei o meu (acrescentando o teu 'quase perfeito' incluindo o titulo)

    Beijinha grande.

    ResponderEliminar

Olhares de perto