quinta-feira, 4 de abril de 2019

Enquanto houver flores

Foto by me
Haverá perfume
enquanto o olhar falar. 
O cheiro da frescura das flores, 
O som matutino dos pássaros, 
As teias translúcidas que balançam, 
Serão o melhor sinal de vida
De ti em mim! 
O jardim, 
Oh, o jardim só tem brilho
Enquanto houver flores. 


1 comentário:

  1. A rubra camélia encanta,
    Quanto a tua poesia
    Onde o amor se evidencia
    Com ternura doce, e tanta

    Quanto à luz que o Sol levanta
    A iluminar e irradia
    Sob forma de energia
    A tua alma terna e santa,

    Prezada amiga Luísa!
    Que a fresca aragem da brisa
    Beije tua alma e a bendiga

    Feita luz pura que visa
    A partilha sem divisa,
    Do universo da amiga!

    Grande abraço! Laerte.

    ResponderEliminar

Olhares de perto