sábado, 23 de outubro de 2010

Cores de Outono

Foto da net

Foge a luz do sol...
E o asfalto fica preto, vermelho e amarelo!
O sopro do vento despe a ramagem
 que abriga a miragem do carvalho velho!
E quando a chuva teima em cair,
vem pintar o solo numa tela de Nahir!
Outono é um velho em decomposição,
É esperança de vida em nova estação!
Traz um sorriso quente por cavacos a arder,
sabores doces com canela e das romãs acabadas de colher!
Outono é mudança...
...e na mudança, vive-se outono !

20 comentários:

  1. Lindos versos para o OUTONO e suas cores...beijos,lindo domingo,chica

    ResponderEliminar
  2. Muito lindo este poema de Outono Luísa e a imagem também.
    Todas as estações tÊm o seu encanto.
    Beijinhos
    Branca

    ResponderEliminar
  3. LUÍSA

    Coincidências???

    Muito lindas as tuas "CORES DE OUTONO" !

    Mas, pela realidade das palavras, prefiro a Primavera...
    Descompenso com os dias curtos, enregelo com o frio.
    E o aquecimento custa cada vez mais...
    Não posso viver em frente à lareira, pois não dispenso o calor que AQUI encontro.

    Um beijo e bom Domingo.

    ResponderEliminar
  4. minha querida Luisa, o outono te inspirou de maravilha! um lindissimo poema!!!! amei!
    beijos

    ResponderEliminar
  5. São ternurentas estas cores, diria até que aconchegantes os tons do Outono e as tuas palavras. Bjs bom Domingo!

    ResponderEliminar
  6. Muito bem Luísa!Outono é mudança e ela espera por si :)

    Beijinho grande.

    ResponderEliminar
  7. Bom dia!:)
    Uma alma Outonal, e hoje combina com o dia...já chove lá fora...
    Beijinho terno e para si um sorriso Sempre!

    ResponderEliminar
  8. Chica,
    lindo Outono para jogar com as palavras!
    Beijino terno e bom Domingo!

    ResponderEliminar
  9. Brancamar,
    a tentativa do meu olhar pelo Outono, num não esforço para o achar belo.
    Beijinho terno

    ResponderEliminar
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  11. Myra,
    o Outono trouxe vontade de olhar a vida...
    Beijinho terno

    ResponderEliminar
  12. Nenufar Cor-de-rosa,
    volta sempre.As cores de Outono esperam por si.
    Beijinho terno

    ResponderEliminar
  13. ellen,
    rumo à mudança, mesmo!
    Beijinho terno

    ResponderEliminar
  14. momentos,
    alma outonal, olhar outonal, toque outonal...
    Mas, há sempre a sabedoria de esperar pela primavera e pelo renascer dos seres.Haja paciência.
    Beijinho terno

    ResponderEliminar
  15. João,
    não são coincidências, não!
    O teu apelo fala bem alto dentro de mim!
    OBRIGADA!
    Quanto ao tempo que o Outono e o Inverno vão durar, devemos olhá-los como tempo de aproximação pois mais tempo vamos por cá passar...(tu, tem cuidado com as correntes de ar).
    Beijinho terno

    ResponderEliminar
  16. Um lindo poema!!!
    Eu adoro as cores, a natureza, a vida em Outono.
    Feliz outono para você aqui não existe faz um calorrrr
    pior que no verão. :-)
    Mt bjs

    ResponderEliminar


  17. Outubro, Outono OuTonho?
    Não necessáriamente nesta ordem.

    Colo.Ri.do!

    :)

    P.S.: palavra de verificação - gractso

    ResponderEliminar
  18. Olá Luísa,
    Gostei da sua visita.
    Quero agradecer a mesma, e confesso, dada a minha escassez de tempo (eterna desculpa), não conhecia os seus blogs.
    Muito obrigado mais uma vez. Quanto ao comentário a este seu post, a imagem é bela e o poema, bem o poema está já mais do que bem comentado.
    Bjs

    ResponderEliminar
  19. Cores, vento, chuva... Tudo isso é tempo, é vida!
    Curioso é que, enquanto aí vivem o outono, cá estamos na primavera...
    Abraços!

    ResponderEliminar

Olhares de perto