quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Recital de Outono

foto de JOÃO MENÉRES

Recital de Outono, numa folha pintada de velha, com inspiração de olhos atentos às cores que a natureza pinta!
Caiu ao de leve o toque suave do bom gosto literário, com o teu sempre olhar de perto aos pequenos grandes nadas da vida!
Belíssima foto, SENHOR!
(Obrigada pelo empréstimo.)

17 comentários:

  1. Fizéste MUITO BEM em REALÇAR o teu


    RECITAL DE OUTONO

    OBRIGADO por o teres escrito para a imagem que fiz na quinta e OBRIGADO por a repetires AQUI.

    Um beijo muito, muito grato, LUÍSA.

    ResponderEliminar
  2. João,

    e não é que o prazer foi todo meu?
    OBRIGADA, por tudo!
    Beijinho terno

    ResponderEliminar
  3. voces dois sao fantasticos, e qdo se juntam os trabalhos, entao! WOW!!!
    beijosssssssssss

    ResponderEliminar
  4. MYRA

    Quanta AMIZADE !

    Mas o MÉRITO é TODO DA LUÍSA !

    Um beijo muito grande de agradecimento.

    ResponderEliminar
  5. Boa tarde Luísa,
    é sem dúvida uma foto bonita,acompanhada de um precioso texto. Gostei muito da poesia Outonal que seu olhos vestem e as suas mãos escrevem!

    Beijinhos,
    Ana Martins
    Ave Sem Asas

    ResponderEliminar


  6. Re cito:

    "Outubro Outono ou Tonho!"

    O JoÃO escreveu e a LUíSA pintou!
    Não necessáriamente nesta ordem...

    Na minha cabeça "pintou" a DSEROEDM!

    :)

    ResponderEliminar
  7. Obrigado, TONHO, mas a LUÍSA escreve e pinta sempre.

    Um abraço.

    ResponderEliminar
  8. Lindo o seu recital de outono.
    FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... e MEU CADERNO DE POESIAS desejam uma boa semana para você.
    Saudações Educacionais !

    ResponderEliminar
  9. Um ama a natureza com os olhos, o outro com as palavras...


    Mas que belo par!..........

    Beijos grandes... aos dois!

    ResponderEliminar
  10. Olá Luísa,

    E mim ela também tocou assim. Uma imagem que marca o tempo num tempo tão curto de viver. Linda homenagem que fez.O João de fato é um grande artista de simples detalhes. Enxerga a beleza com a pureza e a sincera beleza da própria alma.

    Beijos e obrigada tuas palavras encantam pelos sentimentos que trazem e nos toca com o melhor que tem.

    ResponderEliminar
  11. SENHOR,

    já te tenho dito que será sempre um enorme prazer tentar juntar palavras às tuas supremas imagens!
    Obrigada por teres autorizado o furto...

    ResponderEliminar
  12. Myra,

    é divertido "roubar" a imagem e o comentário para publicar o post.
    Quando a inspiração adormece...
    Bacci tanto per te!

    ResponderEliminar
  13. Ana Martins,

    foi um bom momento, que quando releio, gosto. Mérito? É todo do João pela foto que ofereceu e eu "roubei".
    Bjnhs

    ResponderEliminar
  14. Tonho,

    qu?m sou para colocar a desordem nessa mente hiper criativa...
    Espero que tenhas gostado.
    BJNHS

    ResponderEliminar
  15. Silvana,
    obrigada pelas saudações educacionais!
    Volte sempre para sentir o cheirinho das folhas de outono!

    ResponderEliminar
  16. Cristina,
    tu és amiga e conheces-me bem! Lês o meu olhar sobre as coisas do mundo e a forma suave com que aceito a queda da folha, a mudança das cores, a transformação da paisagem.
    Observo apenas...
    BJNHS

    ResponderEliminar
  17. Selena,

    que prazer imenso lê-la por cá!
    Então não é que o João quando autorizou o furto da folha de Outono, eu já lha tinha furtado?
    Gostei da folha e não desgostei do que lhe escrevi nestes tons que já adivinham o inverno...

    BJNHS

    ResponderEliminar

Olhares de perto