domingo, 31 de março de 2013

Diálogos

 
foto da net
 
 
Gosto de conversar contigo
enquanto ouvimos o vento!
Gosto de te ouvir encher com as gostas de chuva
e sentir-te passar vaidoso rumo ao mar!
Enches-me de calma no teu agitado andar!
E passas...levando contigo tudo aquilo que quero afogar.
Desta conversa, fica contigo o segredo,
aquele que quero dar-te para guardar...
Cumplicidades?
- Apenas as que quero libertar!

 
 


quarta-feira, 27 de março de 2013

adMYRAvel azul

arte de MYRA LANDAU
 
 
Surgiu do céu uma estrela que eclodiu bom gosto...
...e silenciou as palavras num simples gesto de adMYRAção!
 

sábado, 23 de março de 2013

Olhares pelo tempo...

foto de Luísa Vilaça, trabalhada pelo Mestre João Menéres
 
 
Um dia disse que puxei o lençol do céu e me cobri de chuva
No dia seguinte, o lençol tinha desaparecido e o sol vei secar-me
Passado mais algum tempo,
dei passos na praia entre a areia e o mar...
...e mergulhei no contacto com as palavras!
Desse conjunto de dias, tempo,
percebi que o meu olhar vai mais longe que aquilo que alcança!
Vai de encontro à leitura do vosso olhar sobre aquilo que escrevo,
mesmo sem contar!
A isto eu chamo tempo que passa sem contar...
...numa contagem de dias sempre a somar.
 
 
O meu muito obrigada ao Mestre da fotografia,
que de um simples olhar meu
fez a leitura de toda a maresia!

domingo, 17 de março de 2013

Um dia...

foto de Luísa - Póvoa de Varzim - março 2013
 
 
Entre o oiro que recebe quem entra
e o anil que pinto o mar
há um azul encoberto no céu
que se esconde nas lonas chorosas e passageiras!
Estava frio, humido e ventoso,
mas belo como sempre!
Entre o oceano que abraça ambos
e o sonho de quem lá vai
há a alquimia do ser...do devir...

terça-feira, 12 de março de 2013

...

foto da net

 
 
Se é um estado momentaneo, devemos saboreá-lo intensamente!!!
São os pequenos nadas que nos acalentam os dias!
O mundo é uma imensidão...

    quarta-feira, 6 de março de 2013

    Alvorada

    foto de Pompeu Martins - alvorada em Fafe - 4 de março de 2013
    Vês as folhas que espreitam do canos?
    Sentes o despertar do dia no fim do sono de inverno?
    E o silêncio que mora lá fora? Consegues ouvir?
    Abrem-se as palpebras por entre as nuvens
    e aquecem-se as pupilas com os primeiros raios de sol.
    Esticam-se os braços da preguiça quente
    encolhendo-se num abraço rumo ao dia que está para vir!
    Hummmmm!
    Gosto deste sol que comigo mora,
    das nuvens que me embrulham os sonhos,
    E da terra que piso e me dá chão!
    Gosto de ti, Fafe!
     
     
     
     
    

    segunda-feira, 4 de março de 2013

    Travessas

    foto de Luísa - Rua de Santa Maria - Guimarães
     
    Hoje cheirou a sol,
    numa rua iluminada da cidade!
    Na sombra do trajeto,
    vê-se o calvário
    adornado de renda e linho!
    Dentro da Muralha,
    mora o bom gosto,
    numa manifestação de fé,
     invulgarmente, minh...ota!