sábado, 20 de março de 2010

Caem de novo...

foto da net



Vieram, cairam, molharam tudo outra vez!
Têm origem lá no céu,num cesto de nuvens, talvez!
Ofereceram o cheiro a terra molhada,
Num perfume natural,de essência do nada!
Vieram! Ora muitas, ora poucas, rolaram estrada fora,
Deram a mão ao inverno e com ele vão embora!
O canto dos pardais já não se silencia!
O tempo já aqueceu, tornou-se maior o dia!
Adivinha-se Primavera!Adivinha-se poesia!

11 comentários:

  1. tomara mesmo:"Deram a mão ao inverno e com ele vão embora! "
    lindo, minha querida, aqui tem um sol fraco, fraco e ainda faz frio...
    beijos e um otimo fim de semana

    ResponderEliminar
  2. Olá Luísa, voltaram a vir, e a cair, novamente, e molhando de nove a gente,

    um beijo
    José.

    ResponderEliminar
  3. Linbdo,Luisa! Uma linda nova estação pra ti!beijos,chica

    ResponderEliminar
  4. Eu só sei que aqui encontre só gnte boa logo vi minha amiga Chica, então vou seguit, ficar por aqui, adorei seu cantinho, sua suavidade, logo que cheguei senti um bem vindo, adorei.
    com carinho
    Hana

    ResponderEliminar
  5. Eu fui fora de manhã e quando regressava ao Porto, a meio da tarde, apanhei uma monumental descarga de água!
    Na A4 tive que abrandar e muito!
    Nada parecido con a musicalidade deste teu bonito CAEM DE NOVO...

    Um beijo.

    ResponderEliminar
  6. Adoro o cheiro da terra molhada!
    Faz-me lembrar a infância, mais próxima do chão...

    muito obrigada Luísa, por todas as palavras com carinho

    ResponderEliminar
  7. Linda imagem, lindo poema! Aqui chegou hoje o outono e fez um calor danado. Agorinha a noite o cesto tá derrubando muitas gotas do céu . Montão de bjs e abraços

    ResponderEliminar
  8. Quando a ternura
    parece já do seu ofício fatigada,
    e o sono, a mais incerta barca,
    inda demora,
    quando azuis irrompem
    os teus olhos
    e procuram
    nos meus navegação segura,
    é que eu te falo das palavras
    desamparadas e desertas,
    pelo silêncio fascinadas.

    Eugénio de Andrade

    Um lindo domingo e uma semana de paz e sucesso em tudo que fizer.
    Um abraço

    Sônia

    ResponderEliminar
  9. nada seria melhor para acompanhar sua poesia do que um trecho do Manoel De Barros
    "..... Quem acumula muita informação perde o condão de adivinhar:divinare. .."

    ha segui seu conselho e mandei uma Proposta para Guimaraes

    abraço carinhoso

    ResponderEliminar
  10. o meu bom dia de sempre com o meu beijo carinhoso de todos os dias:)

    ResponderEliminar
  11. Este invierno largo que aquí estamos padeciendo le cuesta dejar que la primavera entre pujante a ocupar su espacio,Luisa,me ha gustado mucho la cadencia y el matizado de tus versos .
    Biquiños e apertas de A.Dulac

    ResponderEliminar

Olhares de perto