sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Dedicação...

foto da net

Se em dias de frio me sento à lareira e me enrolo sobre mim,
Em dias de verão, dedico o conforto à cadeira e dou gargalhadas sem fim!
Num dia, escolho o livro de capa bordeaux impressa a oiro,
No outro, sirvo-me do livro como leque, um tesoiro!
Em tempo de dias pequenos e sopros gelados,
escolho a ementa mais quente, preparo os temperos mesmo que inventados!
Se o tempo vem com raios de sol,
primo no cesto das castanhas, na salva de romãs e no jigo de noz!
Entre os dias frios e quentes
decoro a minha cadeira com manta cor de paz,
e nela deixo a repousar o lápis e o papel,
à espera de novos compassos das notas do tempo
para escrever ou sonhar, tanto faz...

16 comentários:

  1. Andei por outros afazeres. Por isso, só agora chego.
    SICUTA, diz-te alguma coisa*
    Risos (e muitos !).

    Sabes que ainda não comi uma castanhinha este Outono?
    No outro dia, trouxe lá de cima (daí perto, como sabes) um saco cheio das da Índia. Óptimas para acabar com aqueles terríveis voadores-roedores, habitualmente chamados de TRAÇA.
    Distribuí 3 por cada bolso. Eram tantas e tantas que ainda sobraram para dar aos filhos umas quantas.
    Mas, noz, ontem e hoje (e da mesma origem), comi um fartote!
    Falas no repouso do lápis.
    Óptima idéia...

    Um MAGNÍFICO ( entre tantos outros!) texto este !!!
    Adorei, SENHORA !

    Um beijo.

    ResponderEliminar
  2. Que coisa mais linda,leve e sensação de tranquilidade passas aqui...

    Adorei!

    beijos,tudo de bom,lindo fds!chica

    ResponderEliminar
  3. vejo que sempre tem algo agradavel para fazer!!! gostei muito, beijosssssssss

    ResponderEliminar
  4. Lindo poema!
    Um frio é bom...Com um sonho bom feito de chã quente, um cheiro de lareira.
    Vamos comer umas castanhas no próximo. :-)
    Mt bjs.

    ResponderEliminar
  5. Boa noite Luísa,
    Que poema tão suave, acredita que consegui imagina-la no sofá a escrever as sua notas do tempo?

    Gostei muito!

    Beijinhos,
    Ana Martins
    Ave Sem Asas

    ResponderEliminar
  6. João,
    SICUTA, diz-me tudo!
    Se todo o veneno fosse como esta "sicuta", o mundo seria muito mais simpático. Concordas?
    Mil milhões de beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Chica,
    dias mais quentes dias menos quentes!
    Dias mais doces, dias menos doces!
    Enfim, apenas são dias...
    Beijinho terno

    ResponderEliminar
  8. Myra,
    deste meu olhar de perto, tento sempre ter uma visão dócil sobre as coisas.Tento,mas nem sempre consigo!
    Beijinho terno!

    ResponderEliminar
  9. Felícia,

    sabes como reajo mal ao frio...Parece até que me atrofia as ideias!!!
    Beijinhos, querida amiga.

    ResponderEliminar
  10. Ana,
    moramos perto! pois se se lembrar de tomar um chá, apareça!Prometo que o doce farei eu!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Todos os dias merecem um toque especial, e tu aqui deste a imagem de como os passas, muito bonito e tranquilo
    beijinho

    ResponderEliminar
  12. Cara Luísa: poema belíssimo, como de costume, sobre a dicotomia dos sentimentos do calor e do frio e das respectivass atitudes perante os mesmos.
    Pessoalmente, o frio enregela-me as ideias e paralisa-me a alma. Detesto. A alegria é quando, de manhã, abro a janela e a luz inunda o meu coração de júbilo e vontade de viver, cada vez mais.
    Mas o Outono tem também as suas cambiantes de beleza, sobretudo exterior: as folhas multicolores, os tons irisados das montanhas, as nuvens de algodão a pincelar o céu.
    Mas, claro, prefiro o Verão e o calor. Sou um animal apolíneo, um adorador do sol.
    Parabéns, poetisa, pelos seus trabalhos, autênticas pérolas de carinho, ternura, sensibilidade. Arte, numa palavra.
    Bjos.

    ResponderEliminar
  13. Um novo dia.
    Um beijo, antes de adormeceres ou ao acordar.

    Que o dia te corra MUITO BEM !

    ResponderEliminar
  14. como é tão bom!!!bjs Luisa e parabéns :)

    ResponderEliminar
  15. Belo,
    com charme e elegância este teu pensamento. Tal como o chapéu de palha enriquecido no seu valor :)

    Beijinho

    ResponderEliminar

Olhares de perto