segunda-feira, 28 de maio de 2012

Rascunho...

foto de Luísa - Montalegre - 5 maio 2012

Penso muitas vezes em escrever
Pegar num qualquer papel e traçar as linhas em letras flor
Penso em descrever aquilo que os olhos agarram e soletram na alma,
tipo traçar o verde e descrevê-lo na paleta,
ou então
ouvir o silêncio e descrevê-lo som...
Penso muitas vezes sentar sozinha e começar a inventar o sentir,
a fazer redação desse vácuo que me eleva e despeja de qualquer vontade de voltar...
Hoje vou escrever e perguntar ao eco quantas vezes ele fala,
quantas palavras terei que aprender para poder escrever.
Hoje fiz-te rascunho, tipo ensaio...

7 comentários:

  1. "Os rascunhos sâo as palavras da alma."
    (Haals, in "Frases soltas".

    ResponderEliminar
  2. > ouvir o silêncio e descrevê-lo som... <

    Cada dia te revelas de novo, LUÍSA !

    Tenho uma admiração infinita pot ti !

    Um beijo.

    ResponderEliminar
  3. Escreve, escreve. Depois lê bem alto ao eco para que possamos ouvi-la daqui bem de longe.
    Adore o eco.
    Com tua fala, melhor ainda!
    Beijos Luísa.

    A foto é Montalegre em Trás-os-Montes?
    Ai que saudade...

    ResponderEliminar
  4. Hoje vou escrever e perguntar ao eco quantas vezes ele fala,.....
    lindissssssssssssimo!!!!!!
    tudo fantastico1
    bjos

    ResponderEliminar
  5. Se o eco responder é bom sinal. Se não responder também. Tudo são motivos para escrever e nos libertarmos dos dias.

    ResponderEliminar
  6. Há tanto tempo não ouço um eco e tive saudades desses tempos de menina em que era possível gritar nas montanhas e ouvir esse som maravilhoso.

    Obrigada Luísa por este momento bonito e pela imagem.
    Beijos
    Branca

    ResponderEliminar
  7. [o rascunho,

    o olhar mais de perto o "coração da alma", vestir o corpo para o dia.]

    um imenso abraço, Luíza

    Leonardo B.

    ResponderEliminar

Olhares de perto