quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Escrito no musgo

Montalegre - abril 2011


Encontrei o lugar onde mora o sossego
e reside a ordem no equilíbrio do verde!
Mora num cantinho da sala de espera do mundo,
e permite que se estacione 
com o tempo preenchido...
...e os minutos por contar!
Este é o local de eleição
onde o melhor do tempo
fica para os que cá estão
e trazem uma mão cheia
de papel e tinta
para uma boa redação!

O sentimento de mim, hoje, ficou escrito no musgo...

6 comentários:

  1. Encontrei o lugar onde mora o sossego

    Lendo a Luisa Vilaça temos o sosego necesario e fresco.

    ResponderEliminar
  2. O XOSE FIGUEIROA disse o que eu não saberia escrever tão bem !
    Obrigado, Luísa !

    ResponderEliminar
  3. Eu, sempre sossegadinho no meu cantinho e encantado com o teu!

    ResponderEliminar
  4. Eu sempre sossegadinho no meu canto e encantado quando estou no teu!

    ResponderEliminar
  5. Como me identifico... "O sentimento de mim, hoje, ficou escrito no musgo..."

    ... como gostava de ter essa tua capacidade de me fazer palavra!

    ResponderEliminar
  6. adorei, sabe eu gosto muito de musgo..no meu telhado da cassa de Xalapa tinha e cresciam plantinhas!!!era lindd..como a tua imagem e tuas palavras!
    bjosssssssssssss

    ResponderEliminar

Olhares de perto