quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Eternamente

Eternamente 
é muito tempo
é tempo ainda não vindo,
momento ainda não vivido,
sentimento eterno do que está por vir!
Eternamente,
é, além de tudo, 
para tudo passar na origem do ser
desejando a sintonia do futuro!
Eternamente é hoje.
Eternamente...


3 comentários:

  1. Gostei especialmente do "hoje é o eternamente", porque para mim basta.

    Um beijo, Luísa.

    ResponderEliminar
  2. "Eternamente", a definição inteira do tempo que não cabe em nós...

    ResponderEliminar
  3. A eternidade começa agora...
    Magnífico poema, gostei imenso.
    Fiquei encantado com o talento poético que vi por aqui.
    Luísa, saudações poéticas e boa semana.
    Abraço.

    ResponderEliminar

Olhares de perto