quinta-feira, 2 de junho de 2016

Crescemos sem querer

foto da net

Esquece-me
Esquece-me entre o poisar da lua 
e a alvorada solar!
Deixa-me adormecer entretanto
e sonhar essas horas do fim!
A vida despede-se devagarinho,
passa de mansinho
entre lições rasteiradas
e aulas carregadas de afeto firme!
Vive-se a crescer.
Crescemos sem querer!

10 comentários:

  1. Crescemos sem querer e envelhecemos num ápice...
    Um beijo, Luísa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gosto quando és o primeiro a chegar! Dás-me sorte!
      Mil beijinhos, SENHOR!

      Eliminar
    2. Mais uma vez, algo lindo de ler-se e muito real!... Rapidamente crescemos e a vida não pára!... Os anos fogem-nos entre os dedos e quando damos conta...já vivemos quase metade da vida, num abrir e fechar de olhos!...
      Beijinho grande amiga

      Eliminar
    3. Entretanto, Ana, vamos aproveitar. Boa?
      Njmhs

      Eliminar
  2. Respostas
    1. ehehehe és muito mais que isso!
      Mil beijinhos

      Eliminar
  3. Continue... Tem substância.
    Parabéns!
    Um abraço (minha querida e doce aluna) .

    ResponderEliminar
  4. E a pensar que amanhã pode ser melhor que hoje, vivo perdido no tempo e nem sinto como foge...

    Bem hajam os que nos ajudam a crescer.

    ResponderEliminar

Olhares de perto