sábado, 18 de maio de 2013

À amizade

foto da net

Eis o dia em que se canta a amizade
E dela se enamoram os iluminados de boa vontade!
Aquele dia em que o olhar de amigo conforta e acolhe,
num refugio vádio e sem dono!
Amigo só por ser amigo!
Dádiva, pelo prazer de outorgar no outro um sentimento de si!



12 comentários:


  1. [como um tanto recolher,
    de tanta a entrega incondicional]

    com um imenso abraço,

    Lb

    ResponderEliminar
  2. Canto sincero, cantar ao amigo!
    Os amigos, nós os reconhecemos. Beijos Luísa!

    ResponderEliminar
  3. A Amizade e a partilha de mãos dadas. Lindo!!!
    Beijinhos Luísa

    ResponderEliminar
  4. Estás em grande, querida Luísa !

    Um beijoooo

    ResponderEliminar
  5. Lindas,estas palavras:Para mim Lu es uma amiga e sempre o seras,
    amiga de longa data uma data que por mim continua e continuara setre lembrada e nunca seras esquecida um beijinho do fundo do coracao tudo de bom.

    ResponderEliminar
  6. Aamizade e mtas vezes maior, melhor que o Amor!!!

    ResponderEliminar
  7. A trovoada andou por aí às 19:00 h !

    Um beijoooo

    ResponderEliminar
  8. Pensaste que eu não era capaz de fazer uma imagem com este sentido ?
    Até me sinto ofendido, Luísa !...


    Um beijo e boa semana de trabalho.

    ResponderEliminar
  9. Que poema mais lindo. Gostei. Ah, me fez ficar com saudades dos meus amigos que vivem longe.

    ResponderEliminar
  10. Amigo tudo isto que dizes em poucas palavras, de forma simples e verdadeira.Muito obrigada pelo teu poema, mas acima de tudo de seres assim, tal como és.
    Beijo. Fi

    ResponderEliminar
  11. ...mesmo feliz por me considerar teu amigo... "vádio e pedinte"...vádio na tua poesia e peço mais ,por favor!...Beijos

    ResponderEliminar
  12. Os amigos são-no sem reservas. É isso mesmo.

    ResponderEliminar

Olhares de perto