terça-feira, 14 de maio de 2013

E quando te falei do verde...

foto de João Menéres - Vale da Achada - Ilha Terceira - Açores 

E, quando falei do verde?
Daquele que preenche os dias pelo observatório do sonho?
Fizeste a melhor e mais sábia leitura,
Pintaste cada recanto  da cor da esperança
e deste asas à imaginação literária!
Leio cada canto como quem pinta uma tela!
Observo cada estrofe como quem aprecia a escultura do relevo,
e nos voos adiados levo comigo a vontade do imenso traje verde...

8 comentários:

  1. Lindo,este pequeno estrofe leio com todo o gosto e amor ,cor verde trasmite-me paz,esperanca,por tudo e um mundo melhor um bj grande.

    ResponderEliminar
  2. Desta vez, não vais adiar, Luísa !
    E vai à Terceira...


    A luz estava meio esquisita e foi o que pude e soube fazer.
    Lá ao fundo, num dos retalhos, é um rebanho.

    Um beijo.


    ResponderEliminar
  3. Lindo demais!Adorei! abração aos dois! chica

    ResponderEliminar
  4. mas que beleza de VERDE!!!! e que belas palavras para acompanhar!'beijs aos dois!

    ResponderEliminar
  5. Esta junção de bom gosto, fotografia e texto, dão a quem por aqui passa vontade de cá voltar.
    Parabéns aos dois.
    Beijo. Fi

    ResponderEliminar
  6. Você pintou com letras e o João com câmera! Maravilha essa tela!
    O verde é minha cor preferida!
    Beijos aos dois!

    ResponderEliminar

Olhares de perto