domingo, 12 de janeiro de 2014

Entre mantas e sonhos

foto da net

Estado de cansaço matinal
que nos acorda e empurra para o sofá
deixando-nos a ouvir o frio!
Entre uma acha na fogueira,
um chá de menta e um biscoito de canela,
há uma manta que aconchega e afaga!
As leituras terão que ficar adiadas,
os filmes serão vistos entre sonos e alvoradas,
e as conversas que se façam baixinho.
Hoje o dia será para
parar...

14 comentários:

  1. día de recollemento con acordes de choiva e vento...!!!! moito fermosa Luísa....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dias acordados no frio do inverno....calorosamente! Bjnhs

      Eliminar
  2. día de recollemento con acordes de choiva e vento...!!!! moito fermoso Luísa...!!!!!

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  4. parar e pensar e dormirrrrrrr! adorei
    bjos mil

    ResponderEliminar
  5. Nunca me tinha lembrado que em linguagem poética, se podia ouvir o frio !

    Muito bom, Luísa !!!!

    Um beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há sons cuja frequência só é audível para alguns...Dizem que tenho ouvido de tísica.....ehehehehe

      Eliminar
  6. "Ah, que prazer, ter um livro para ler, e não o fazer"...
    E como o Pessoa tinha razão...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hummmmmmmmmmmmm!
      Cheira-me a um rasgado e intenso elogio! Simplesmente, obrigada!

      Eliminar
  7. Respostas
    1. E na paragem vou voltar a pegar naquilo que me dá mais prazer: escrever!
      Nem que seja um só relatório técnico....lá terá que ser! Bjnhs

      Eliminar
  8. É importante dar trégua ao corpo e à alma, de vez em quando.


    Um beijo

    ResponderEliminar
  9. Louvado seja quem inventou o descanso...

    beijo Fi

    ResponderEliminar

Olhares de perto