terça-feira, 14 de julho de 2009

Letras sobre folhas

Foto da Net
Apertei-o entre braços,
Abracei-o com carinho, senti-lhe o cheiro e gosto a papel!
Corri folha a folha, dedilhei nas páginas a minha passagem,
o meu veredicto de gosto pela leitura, de prazer visual pelas letras!
Elas trocam-se entre si, bailam por entre elas, cintilam a cada verso!
Também gostas de ler?De ouvir os passos deste compassado bailado?
Então segura-me a mão ou estarei por estes dias muito perto
do maior rodopiar no salão literário!
Afago-lhe as letras, faço grupos de bailarinas e assisto à melhor exibição:
Um verso emotivamente declamado, por uma voz sonante, carregada de emoção!

23 comentários:

  1. As ilustrações estão fantásticas,
    tanto o desenho quanto as palavras desenhadas.
    ...........................................................................
    Quanto ao desenho (ilustração acima),
    costuma-se ler assim:
    Nada ouço
    nada falo
    nada vejo, baseado num provérbio chinês se não me engano.

    Mas faria outra leitura:
    Ouço tudo
    Falo, digo muito,
    vejo cada detalhe.

    Beijos Luísa!

    ResponderEliminar
  2. Estou à espera que essas letras sobres folhas venham a dar ao tão desejado livro, o teu livro.
    Não desisto de te incentivar a publicar tão doces mensagens.
    Continuo esperando, para os declamar.
    Beijo,
    Judite

    ResponderEliminar
  3. Querido António Oliveira,

    é um prazer poder contar com a tua sabedoria nestes caminhos subtis com calçada à portuguesa de palavras!
    A tua segunda leitura é "PERFEITA"!
    Beijinho terno!

    ResponderEliminar
  4. Judite, querida!
    Tu és amiga, uma pessoa delicada e sensível que incentivas desinteressadamente!
    Hoje de manhã, recebi o mesmo incentivo de outra amiga minha, amiga de peito, daquelas por quem faria tudo...Mas, muito humildemente, acho-vos umas exageradas!
    Beijinho terno!

    ResponderEliminar
  5. Gostava de saber onde é essa coreografia com as letras...
    Este fim desemana sequei o RIO DAS FLORES.
    Não lhes dei folga nenhuma...
    Entre a herdade do Alentejo, ali para Extremoz e, mais para o fim, a fazenda em Paraíba, entre uma Amparo (nunca suficientemente amada) e uma Benedita (talvez amada em demasia), sobrou em demasia o ódio doentio do autor por uma personagem que Portugal de tanto precisou.

    Um beijocom os meus parabéns na linha que o tonhO te trans mitiu tão bem.

    ResponderEliminar
  6. Desculpa as palavras coladas e outra cortada a meio...
    São as consequências do destreino!
    Mas isto passará com a idade, acredita, LUÍSA.

    ResponderEliminar
  7. Uma bonita interpretação do gosto pela leitura!
    Consegues fazer bailado com as letras:)

    Beijinho Luísa!

    ResponderEliminar
  8. Não sei viver sem livros... Não sei viver sem ler!
    Beijinho Luísa!

    ResponderEliminar
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  10. Também gosto de sentir o poder das palavras, a emoção de ter um livro nos braços, que tão bem descreves...
    Gostei muito do teu Blog

    ResponderEliminar
  11. Hoje eu vim te conhecer.
    Sempre tive curiosidade.
    Muito prazer Sandra.
    Amei esta postagem. Um abraço nos livros.
    Isso é maravbilhoso.
    Com carinho
    Sandra

    ResponderEliminar
  12. livros que nos remetem para outras histórias com estórias, histórias que nos levam para livros que nos fazem fazer parte dele

    ResponderEliminar
  13. Olá as suas ilustrações tem a frescura da sua escrita beijos Paull

    ResponderEliminar
  14. João, Senhor da Imagem,
    MST, é sempre agradável de ler...!
    O Rio das Flores é um bom livro!
    Mais um bom livro deste filho de escritora que faz jus ao nome da mãe!
    Beijinho terno!

    ResponderEliminar
  15. Charlotte,
    este é um singelo bailado...
    Obrigada por entrares na dança!
    BJNHS

    ResponderEliminar
  16. Menina do Mar,
    oxigénio para respirar...livros para crescer ser!
    ;-)

    ResponderEliminar
  17. Tia_Cunhada,
    obrigada pela visita!
    A menina também dança no balado das letras!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  18. Sandra,
    obrigada pela visita!
    Abri o baile há algum tempo, e convido-a a ficar para dançar!
    Será um prazer partilhar a dança...
    BJNHS

    ResponderEliminar
  19. Dalaila,
    tu já me lês nas entrelinhas de qualquer bailado!
    Um livro é sempre um amigo, verdade?
    BJS a dobrar

    ResponderEliminar
  20. Paull,
    é sempre bom ler os teus comentários!
    BJNHS

    ResponderEliminar
  21. Cara amiga Luisa,
    Ler é um dos meus passatempos favoritos. De forma semelhante à sua costumo dizer que as letras dão a mão umas às outras para formar palavras e as palavras dão um passo umas paras as outras para formar frases. A marcha das letras e das palavras que contam histórias.
    Um grande beijinho,
    Maria Emília

    ResponderEliminar
  22. Sugere-se uma visita ao blog Sempre Jovens, a leitura do post Vamos limpar Portugal e a sua divulgação o mais alargada possível.
    Portugal precisa que todos os cidadãos exerçam o seu dever de cidadania e de civismo, sempre e mais precisamente em 8 de Novembro.

    Cumprimentos
    A. João Soares

    ResponderEliminar
  23. WOWWWWWWWWWWWWWWWWWWWWWWWWWW|!!!!!!!!

    ResponderEliminar

Olhares de perto