terça-feira, 3 de março de 2015

Amor e tempo

Amor!
Reclamas tempo
e o tempo queixa-se de dor!
Dor do pouco tempo 
que no repouso lento das horas
deixa os minutos passar!
Não te queixes, amor!
Abraça-me enquanto é tempo
e não deixes o tempo fugir!
Sim! 
Abraça-me hoje!
Porque amanhã, poderei não ter tempo...
...de na terra te sentir!



6 comentários:

  1. Não te queixes, amor!
    Abraça-me enquanto é tempo....

    Ha..!!!i quen poidera saber cal e o tempo !!!! dos abrazos...

    ResponderEliminar
  2. O AMOR é a coisa mais maravilhosa que podemos dar e receber !

    Lindo de morrer, Luísa.

    Um beijo.

    ResponderEliminar
  3. Com tempo, com os vagares que existem na serra o namoro continua.
    Está bom o texto.

    ResponderEliminar
  4. Fantástico Luisa.
    Beijo DB

    ResponderEliminar

Olhares de perto