segunda-feira, 9 de março de 2015

Beijo para sempre

Treme o lábio pelo beijo,
pelo ensejo de chegar ao toque,
sem roubar o tremor quando te vejo!
Riem os olhos pelo desejo,
travado em tempo distantes,
num diálogo solto de enamoramento!
Hoje, a conversa é, amor,
um beijo selado
numa promessa de vida,
 vivida a teu lado!

3 comentários:

  1. Um poema de amor. Com uma promessa: para sempre.
    É bom, como eu digo, para guardar.

    ResponderEliminar
  2. Promesa dun amor..vivo no tempo,
    para o tempo..
    como antes..como sempre

    ResponderEliminar
  3. Repito o que comentei nos dois anteriores :
    Digno de figurar numa Antologia de POESIA sobre o AMOR !

    Um beijo amigo, Luísa.

    ResponderEliminar

Olhares de perto