terça-feira, 14 de abril de 2009

Amigo


Pudera eu agarrar o sol e prendê-lo-ía para te oferecer
Pudera eu ir ao encontro dele e trá-lo-ía para te aquecer
Dar-te-ía um brilho raro, nesse teu olhar sério e frio
Para que cativasses nos outros um valor raro em ti!
Essa distância e rigidez com que optas encarar o mundo
traz-te tanta tristeza que te isola daquilo que gostas!
Tertulianos das letras, dos bons filmes, das atitudes nobres
Aguardam por ti e pelos teus bons dias para companhia!
Não precisas de mim para te valorizar...
Precisas de ti para te auto-reconhecer!
Vales por ti!Vales pelo que nos ensinas!
Vales pelas tuas amáveis e desinteressadas visitas
Com aroma de amizade e nectar de bondade nata!
Promoves as nossas acções!
Vibras com os nossos sucessos!
Tens todo o direito de te sentir derrotado
Mas vales muito mais que este cansaço
Que te desgasta a doçura dia-a-dia!
Vou tentar agarrar o sol, para que te seque as lágrimas
mesmo antes delas cairem...
Não suporto ver-te triste!

17 comentários:

  1. E na verdade com amigas assim, quem pode dizer que não vale a pena viver ou ser feliz?
    Todos precisamos uns dos outros... esse o segredo da Felicidade: dar-mo-nos, desinteressadamente
    Gostei
    Jnhs

    ResponderEliminar
  2. Compartir. Abrazar emociones, las alegrías o penas, siempre en esa complicidad.

    ResponderEliminar
  3. Querida amiga Luísa,

    AMIGO, um fantástico poema de sentimentos nobres e tão sádios que nos envolvem de paz e convidam a inspirar toda a amizade e beleza palavras contidas!

    P A R A B É N S! ! !

    Beijinhos,
    Ana Martins

    ResponderEliminar
  4. ..."Se todos fossem, iguais a você
    Que maravilha viver..."
    Palavras do Poeta Vinicius de Moraes.
    Não me cvanso de dizer que você é extremamente doce e muito querida!
    Beijo grande amiga!

    ResponderEliminar
  5. Somos todos anjos de uma asa só, se não tivermos um amigo para somar, nunca poderemos voar...
    Lindo poema.
    beijos

    ResponderEliminar
  6. O amor ou a simples amizade percebem-se nestes belos textos de puro incitamento.

    Cumprimentos meus.

    ResponderEliminar
  7. Boa noite Luísa

    Obrigada pelo seu comentário...seja bem-vinda!
    Este poema é lindo!!!
    Adorei a sua forma de escrever.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Aquela Multidão Incutiu Genonorizade Omnipresente

    ResponderEliminar
  9. Uma bonita homenagem aos amigos.
    Um abraço
    Eduardo Poisl

    ResponderEliminar
  10. Luisa... a Amizade é a mais bela forma de amor!...


    Beijos!

    ResponderEliminar
  11. Tem selinhos pra você lá na minha galeria de selos ok?
    E Meme também caso queira responder.
    Um beijão.
    Sinta-se a vontade para aceitar ou não viu...rsrs
    Um grande beijo!

    ResponderEliminar
  12. Olá Luisa... estou com "sede" de te ler mais!
    Bj

    ResponderEliminar
  13. A amizade quando sincera é um bálsamo para o coração.

    Pérolas incandescentes de boas energias entrego em tuas mãos.

    Eärwen

    ResponderEliminar
  14. O poema é muito bonito, cheio de sentimento. E o anjinho muito amoroso!
    Deves ser a pura amizade...
    Bjinhos

    ResponderEliminar

Olhares de perto