quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Tempo guardado


Foto de ADAGIO



Guardei o tempo num frasco de vidro
Juntei-lhe amor e dedicação!
Quando ele tenta andar,
junto-lhe também afeição!
Ele deu-me o que lhe pedi
Deu-me vida, deu-me cor
Deu-me tudo o que mereci
Deixando-me por vezes um rubor!
Fiz com ele uma aliança
A aliança de andar juntos!
Vamos ambos no mesmo sentido
Em direcção ao futuro!
Mas o tempo deixou-se parar
Deixou-se enamorar, aprisionar
Esteve comigo com vontade
E a mim escolheu para aprisionar.
Agradeço ao tempo ter parado
Ter tão bem por mim olhado
Pois se o guardei num frasco bem guardado
Foi porque por ele olhei,
também eu enamorada!

12 comentários:

  1. Ó tempo.... :)
    Muito bonito Luísa, comos empre, aliás!
    Bjs e bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  2. O tempo sempre nos inspira muito !Lindo frasco dele!beijos,tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  3. Olá Luisa,

    boa noite

    eu também pedi ao tempo
    que me deixa-se sozinho
    e que fosse por outro lado
    mas ele no seu caminho
    levou-me consigo arrastado

    um beijinho, josé

    ResponderEliminar
  4. Uma COMPOTA feita de TEMPO, AMOR e DEDICAÇÃO, a que juntas AFEIÇÃO permanente !

    SEGREDO bem guardado num frasco com um rótulo que diz : EIS PORQUE SOU FELIZ !

    Um beijo também para a sementinha !

    ResponderEliminar
  5. Olá Luísa, belo poema...Espectacular....
    Beijos

    ResponderEliminar
  6. eu pedi, peço ao tempo tantas coisas...mas...
    enfim um beijo para voce e sabe votei pelo Grifoplanante:))))

    ResponderEliminar


  7. Hoje vim, achei o tempo
    guardado por ti!

    Beij♥s!

    ResponderEliminar
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  9. Quantas vezes queremos que o tempo pare, mas ele acaba nos aprisionando.

    Muito bom, Luísa. =)

    Fiquei feliz com sua visita ao meu blog. Obrigada!

    Beijinho.

    Ps.: Desculpe-me por excluir o comentário anterior, é que me confundi e escrevi outro nome, hehe.

    ResponderEliminar
  10. Como é bom parar o tempo, seja em frasco, seja em fotos, seja na cabeça, seja de qualquer forma.

    saudade das tuas escritas!

    bjs

    ResponderEliminar
  11. Luisa,

    Agradeces ao tempo, aquilo que ele te deu.... e ele te dará mais..

    mereces porque o sabes valorizar...
    um amor demorado!

    um beijo

    ResponderEliminar
  12. Belo poema...
    Mas o tempo não pára, ele pula e avança como uma bola colorida (como dizia o poeta)!
    Viva o presente, um dia de cada vez, e tudo irá ser mais fácil e tranquilo :)

    Beijinho

    ResponderEliminar

Olhares de perto