quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Assim...

foto de Luísa - Parque das Nações - Lisboa

Acordar,
sentir o cheiro do Tejo
ouvir o som do silêncio
e
voltar a adormecer!
Dormir,
tocar os sonhos com as pontas do dedo
e
despertar!
Talvez por ali o sono acorde
o sonho volte a dormir
e
deixe viver quem livre sente
a vontade de sempre sorrir!


10 comentários:

  1. Lu, a sua escrita, mais uma vez aqueceu-me o coração! Estou ansiosa pelo livro ;)!!

    ResponderEliminar
  2. Respostas
    1. Um local inspirador, sim, Agostinho!
      Refrescante!

      Eliminar
  3. Livro ?
    - Não sei de nada...

    Guardo as tuas últimas palavras :

    deixe viver quem livre sente
    a vontade de sempre sorrir!


    Parabéns e um beijo amigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Livre...não livro!
      (ehehehehe - brincadeirinha)
      Mil beijinhos, senhor das mil e uma belas imagens!

      Eliminar
    2. A tua amiga CARLA está ansiosa pelo livro ( escreveu ela) !

      Eliminar
    3. Simpatias de uma grande amizade!

      Eliminar
  4. Que qualidade de vida e de escrita...
    Bj DB

    ResponderEliminar

Olhares de perto