sexta-feira, 14 de março de 2014

Carvão..nas mãos do artesão!

foto da net


Vês bem a cor da lida?
- Está surrada em tom de zelo,
em cada linha desenhada pelo trabalho!
Tem sinais de fogo por acender,
feridas não marcadas,
pedaços de carvão por arder!
Se sentisses o cheiro da matéria!
Se ouvisses o estalido rouco e seco ao se desfazer,
perceberias a negra delicadeza da matéria
que se transforma em combustível e se prepara para cinza ser!
Nas mãos do artesão, vi o carvão a nascer!

5 comentários:

  1. Continua, Luísa !


    Um beijo e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  2. Que talento querida Luísa, conseguir em poucas palavras transmitir o que para muitos não chegaria um livro. Gostei muito.
    Beilo Fi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Arrisco escreve, Fi!
      Somente um risco que corro!
      Mil beijinhos

      Eliminar
  3. estou de acordo conAnonimo!
    bjosssssssssssssss

    ResponderEliminar

Olhares de perto