quinta-feira, 13 de março de 2014

Escrevo amor

foto by Luísa

Escrevo amor, por amor à escrita!
Sinto cada palavra minha refém
numa prisão faminta de liberdade.
Escrevo amor, por gostar de sonhar,
de inventar o voo dos pardais
e viajar devagarinho...em bando!
Escrevo amor, por sentir o pulsar das letras
quando te escrevo sobre o sol, o verde e o azul,
o cheiro das flores e o movimento das formigas!
Escrevo amor, por sentir que em cada novo dia
há um vício sedento de escrita,
sabendo que o amor é o tinteiro,
e o papel um pouco de visão
na cegueira de um sonho...
 

18 comentários:

  1. Os sonhos não são cegos, nem surdos, Luísa !
    São DESEJOS que tínhamos cá dentro e que muitos nem sabíamos !
    E que esse sonho voe alto, muito alto !

    Um beijo muito Amigo por mais este maravilhoso poema.

    ResponderEliminar
  2. "Escrevo amor ,por gostarde sonhar ,
    de inventar o voo dos pardais e viajar devagarinho...."
    O placer de quen ama o que escrive....e escrive o que ama..
    Bicos mil...!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade, Carmen! quanto mais escrevo, mais prazer tenho em escrever!

      Eliminar
  3. I always emailed this webpage post page to all my contacts,
    since if like to read it afterward my friends will too.


    My website - mobile tech support toronto ()

    ResponderEliminar
  4. Também há vícios bons, e este é um deles.
    Muito obrigada.
    Bj. Fi

    ResponderEliminar
  5. eu, vivo nos meus sonhos!!!!
    belo poema!
    beijos milllllllllllllllllll

    ResponderEliminar
  6. Sonhar, liberdade, amor. Esse poema tem tudo... Muito bonito! Parabéns poetisa! ASAS

    ResponderEliminar
  7. E escreves bem.
    Gostei do teu poema, é magnífico.
    Luísa, tem um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  8. Tenho para mim que, a escrita é tornar visível, nas letras, o pulsar do coração. Ah Luisinha, e que bom é quando o que nos motiva é o amor...

    ResponderEliminar
  9. Boa noite, Luísa
    "Vi-te" no blog da Chica e fiquei com curiosidade de conhecer o teu espaço.
    Gostei! Muito! Tens aqui poemas muito bons.
    Neste, revelas uma faceta igual à minha - o gosto pela escrita. É das coisas que me dá mais prazer - escrever.
    Tão cheio de amor... tinha que ser um belo poema.

    Vou tentar fazer-me tua seguidora. E digo "tentar" porque Mister Google não me tem deixado fazê-lo. Se não conseguir... insistirei até que ele deixe:)
    Se quiseres visitar-me, dar-me-ás muito prazer.

    Beijinhos

    ResponderEliminar

Olhares de perto