sexta-feira, 7 de novembro de 2008

NOITE CLARA



Veio a noite e com ela o repouso,

Vazia de sentidos mas cheia de emoções.

Veio o luar com a sábia coruja.

Veio o orvalho limpido e as suas gotas cadentes

Assiste-se ao movimento de rotação do planeta

Sem percebermos que na calmia da noite

tudo se move,tudo se altera!

Chamamos o luar que inspira poetas

Olhamos o céu que oferece as estrelas

Veem-se os ramos desnudos a decorar a paisagem

Aprecia-se a noite na sua radiosa escuridão!




3 comentários:

  1. Ola

    A noite sem duvida é um mistério.
    A imensa escuridão esconde o que de belo existe!
    Beijinhos grandes e Bom Fim Semana para ti e demais familia.

    Bjos.
    Miguel

    ResponderEliminar
  2. ...
    -Quando olho a noite, penso que cada estrela e mesmo a Lua só brilham tanto por que atrás destas há a escuridão. Então, percebo que Luz e Sombra somente são perceptíveis, só possuem significado, se andarem juntas...


    ...
    -Gray é Mestre....
    eu apenas tento escrever, sendo mero entusiasta das formas e de suas funções... Obrigado pelo comentário...

    ResponderEliminar
  3. Ola

    Sei que é uma assidua do Blog do Miguel.
    Já tinha visitado o seu tb mas em silêncio.
    Passarei a visita-la com um sorriso barulhento. Iol.
    Abraços.
    Carlos

    ResponderEliminar

Olhares de perto