sexta-feira, 12 de junho de 2009

Lágrima que veio sem vir, porque eu não choro


Apanhou-me desprevenida,
saltou sem eu dar conta!
Veio salgada e foi atrevida
Porque a mim não se me dão lágrimas...
Secou de imediato, porque não as deixo correr!
Conforme veio, seguiu seu caminho
Foi à procura de quem as merecer.
Eu não!Eu não choro coisas vãs...
não me inquieto assim tão facilmente!
Segue lá o teu rumo,
porque eu, estou farta de sofrer!
E de ti, irei escrever à gargalhada no divã!

20 comentários:

  1. ??????
    Que se passa????
    É do calor????
    Uma recaída????

    ResponderEliminar
  2. Um grito de revolta.
    Uma bela poesia!
    Valha-nos isso...

    Beijos.

    ResponderEliminar
  3. Se essa lágrima for de sofrimento, desvia o seu caminho, mas se for de alegria, deixa-a correr o ser percurso.
    Beijo,
    Judite

    ResponderEliminar
  4. Cheio de força e determinação! Gostei
    Jnhs, doces, se quiser

    ResponderEliminar
  5. Mas é bom chorar, temos o direito de o fazer, mas depois é dar o grito de Ipiranga e seguir em frente,

    Namastê

    ResponderEliminar
  6. Luísa,
    chorar faz bem e acalma, exteriorizar os sentimentos de tristeza ou alegria com lágrimas faz parte do Ser Humano.
    Há quem diga que o Homem não chora, eu digo precisamente o contrário "O Homem também chora!"

    O seu desabafo se transformou num lindo poema e de certa forma como já conheço um pouco de si compreendo-o perfeitamente, gostei muito da forma como o termina!

    Beijinhos,
    Ana Martins

    ResponderEliminar
  7. Pegue um sorriso
    E doe-o a quem jamais o teve.
    Pegue um raio de sol
    E faça-o voar
    Lá onde reina a noite.
    Descubra uma fonte
    E faça banhar-se
    Quem vive no lodo.
    Pegue uma lágrima
    E ponha-a no ânimo
    De quem não sabe lutar.
    Descubra a vida
    E narre-a a quem não sabe entende-la.
    Pegue a esperança
    E viva na sua Luz.
    Pegue a bondade
    E doe-a
    A quem não sabe doar.
    Descubra o AMOR
    E faça-o conhecer o mundo.

    (Mahatma Gandhi)

    Desejo um lindo final de semana com muito amor e carinho...
    Abraços Eduardo Poisl

    ResponderEliminar
  8. Por que não chorar?

    Chorar faz bem...

    Lindo poema!

    Beijos!

    : )

    ResponderEliminar
  9. Achei este texto tão lindo, tão lindo, que não resisti a escrevê-lo. E a forma como termina é abolutamente ma-ra-vi-lho-sa...
    Beijo grande,
    Inês

    ResponderEliminar
  10. Não gosto de ver ninguém chorar, só se for de alegria:)
    Se os olhos são o espelho da alma, as lágrimas são a exteriorização de um sentimento...e esse não deve ser contido, mesmo que seja de tristeza...
    O coração vai continuar apertadinho...
    Um beijinho, e agora só lágrimas de alegria, muita alegria...

    ResponderEliminar
  11. Patinar em Fafe,

    recaída? Eu?
    De quê!Nem pensar...com essas mazelas posso eu bem!
    Ofendida, isso sim!E essas derrubam-me.
    Mas já passou!

    ResponderEliminar
  12. João Menéres,

    um grito de olhardeperto ferido.Mas já recuperado!
    Bjnhs

    ResponderEliminar
  13. Judite,
    tu conheces-me serena, calma no tumulto, apaziguadora do conflito.Hoje quase perdi a calma por sentir a injustiça.Mas já passou. A lágrima tanto veio como secou!
    bjnhs

    ResponderEliminar
  14. Daniela,
    jnhs doces recebidos!
    Volta sempre!

    ResponderEliminar
  15. Namasté,

    Não me apetece chorar...Um dia terei motivos sérios para o fazer.Não agora!
    Bjnhs, volta sempre!

    ResponderEliminar
  16. Ana,

    eu não sou mesmo de me dar ao choro! não tenho tempo para essas coisas...(sabe Deus como gostaria de o fazer).
    Talvez um dia...
    BJNHS

    ResponderEliminar
  17. Tonho,

    chorar, chorar, só se for por um verdadeiro motivo.Mas sinto alguma tristeza com a mediocridade.e isso, traz-me algum desalento!
    Mas, já passou!
    É para vcver!
    Njnhs ternos!

    ResponderEliminar
  18. Inês,
    será que valerá a pena chorar uma qualquer lágrima por um qualquer motivo?Nem de longe nem de perto...
    Quanto ao texto, leve à vontade!Amanhã poderei oferecer-lhe um outro com estrelas cadentes, debruadas a oiro, à sua imagem e semelhança!
    Bjnhs

    ResponderEliminar
  19. Momentos,
    a lágrima que apareceu, secou!
    Impera já a alegria.
    Beijinho recebido e retribuido!

    ResponderEliminar
  20. vim te ver...e sabe, chorar faz bem!!! claro é melhor rir, mas as lagrimas tbem sao necessarias... eu, tempos atras, as vezes ìa ver um filme triste pr'a chorar :))) porque minhas lagrimas nao caiam com facilidade... agora até ja secaram, e os filmes sao sempre de violencia, hoje em dia :)))

    ResponderEliminar

Olhares de perto